mmm


#Aconteceu na Casa do Escoteiro: Módulo de Aperfeiçoamento – Escotismo e Inclusão

22 de agosto de 2016

 

Sábado, dia 13 de agosto, foi a vez do grupo Maria Imaculada apresentar sua experiência com a realização de seu MUTEPT (Mutirão Escotismo para Todos).  Utilizando como base a obrigatória literatura para este assunto “Basta passar a ponte” (https://goo.gl/iy0VuI) foi montada a oficina “Lidando com as diferenças”.

A oficina contou com a presença de vários convidados:

Edna de Morais Garcez, coordenadora do setor de Reabilitação Desportiva da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD) e supervisora do setor de Esporte Adaptado da AACD, e Aguinaldo Garcez, que prepara os paratletas para competição, falaram sobre a sua experiência com vários tipos dos esportes de inclusão e em como a inclusão pode ocorrer sem paternalismos, transformando a vida dos atletas e de suas famílias.

Getúlio Barroso de Souza Junior, Alberto Monteiro Barroso de Souza (empresários, criadores do Coaching patrimonial e autores de livros no assunto) e Manuela Jabur Zuniga (medalhista de nado sincronizado, praticante de natação e capoeira) entendem muito bem o conceito de “preconceito”. Hoje, muito bem-sucedidos em suas áreas, mostraram com suas histórias de superação como as necessidades diferentes podem se tornar secundárias. 

Os pais de Manu, Andrea e João, que haviam ido apenas para acompanharem a filha, entraram no espirito escoteiro, participaram das dinâmicas e nos presentearam com o precioso feedback do quanto é difícil encontrar locais que apoiem e recebam pessoas com necessidades especiais e quanto é gratificante para os pais terem seus filhos recepcionados e amparados por um grupo.

Utilizando dinâmicas a oficina objetivou colocar os chefes escoteiros em situações em que vivenciassem preconceitos (pré-conceitos) e privações de sentidos e discutiu os conceitos de diferenças x deficiências.

Ao final de três horas que passaram voando, chegamos à conclusão de que somos todos diferentes, e que para convivermos bem só precisamos de amor e boa vontade em entender o próximo.  Realmente, basta passar a ponte…

Compartilhe
Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens