No canto superior esquerdo da foto tem escrito em branco: Saúde dos jovens em eventos on-line. Do lado direito há uma criança que aparece até a cintura. Olha para a direita, tem cabelos amarrados em rabo de cavalo, usa óculos de grau, lenço verde com listras amarelas e uma camiseta branca. Suas mãos seguram um vaso preto com uma plantinha. No canto inferior esquerdo o logo Escoteiros do Brasil São Paulo em branco.

Cuidados com a saúde dos jovens nos eventos online

Ingrid Janaina da Silva Foresto e Caio Ferreira Bernardo

Diante do cenário atual, nunca foi tão necessário o uso da internet em nossas atividades e eventos escoteiros. O que era tendência, agora é realidade, o problema é que o uso prolongado das plataformas virtuais requer atenção e cuidado porque pode gerar doenças oculares, fadiga mental e física, trazendo, assim, problemas emocionais e psicológicos à nossa saúde. 

O que muitas pessoas não sabem é que a exposição contínua à tela de computadores, smartphones e notebooks agrava quadros de miopia e também pode ser responsável pelo chamado “cansaço infantil” – ligado a distúrbios do sono e depressão.

Para evitar esse e outros problemas de saúde em crianças e jovens durante as atividades escoteiras, precisamos encontrar um  equilíbrio, lembrando ainda que as outras atividades que o jovem exerce em seu dia-a-dia como aulas e cursos, também está sendo vivenciado online. É necessário então equilibrar momentos de interação virtual nas atividades com momentos de convívio no mundo real, as vezes contanto com a participação dos pais, colegas e pessoas que residam com o jovem.

Dicas para quem está organizando o evento online:

  • Invista em um ambiente que traga a essência do escotismo, seguindo as cerimônias que estamos acostumados no mundo presencial e incentivando o uso de uniformes e trajes escoteiros;
  • Planeje seu evento com pausas entre as atividades, talvez até inserindo atividades como fazer um lanche saudável ou alongamentos e exercícios nestes momentos;
  • Cuidado com atividades até muito tarde, a exposição a celulares e computadores perto da hora de dormir pode ser prejudicial para o sono dos participantes e ainda fortalecer o desenvolvimento de distúrbios;
  • Lembre-se de orientar a participação dos jovens! Cuidados com o sono, alimentação, movimentação e postura devem sempre ser lembrados e podem ajudar na produtividade das atividades;
  • Saúde mental também é muito importante, veja nosso artigo sobre a segurança dos jovens em eventos online.

Dicas para quem está participando do evento online:

  • Escolha um ambiente adequado para participar dos eventos! Um local confortável, tranquilo, arejado e bem iluminado vai ajudar a melhorar sua experiência no evento. Trabalhar em salas escuras pode ser prejudicial aos olhos, e locais muito fechados são ponto de acúmulo de vírus e bactérias;
  • Use seu uniforme! Eventos online ainda são eventos escoteiros, usar nossos uniformes e roupas com motivos escoteiros ajuda a não esquecer do calor do movimento;
  • Aproveite as pausas das atividades para relaxar e desligar a mente um pouco. Alongamentos, exercícios para braços, pernas, pescoço e quadril, caminhadas pela casa, tudo isso ajuda a manter a circulação ativa;
  • Cuide de sua alimentação! Fuja de alimentos muito gordurosos e ou calóricos, como bolachas, salgadinhos, chocolates e refrigerantes, ao invés disso,  invista em alimentos saudáveis. Sementes, castanhas e frutas secas podem ser uma opção para beliscar durante as atividades. Além disso, consumir água é muito importante para se manter hidratado, então beba pelo menos 2 litros de água durante o dia;
  • Se o evento for durar mais de um dia, durma pelo menos 8 horas por noite. Dê preferência para ambientes escuros e arejados, evite ligar a televisão ou mexer no celular quando já estiver preparado para dormir, a luz das telas nos olhos faz com que tenhamos mais dificuldade para pegar no sono, resultando em maior cansaço no dia seguinte.

Nessas atividades não ficamos próximos fisicamente dos nossos jovens e pode ser mais difícil acompanhar os sinais de cansaço que nos guiam como escotistas em um acampamento, por exemplo. Por isso, precisamos planejar a atividade considerando tudo que os ensine a ver os limites do seu corpo no ambiente virtual. Isso pode ajudá-los, não só a terem uma atividade incrível, mas também a se prepararem para um mundo onde os trabalhos e interações sociais se dão cada vez mais de forma online.

Rolar para o topo