Escoteira de São Paulo oferece hoho para ciclistas franceses

9 de outubro de 2018

Por Julia Pacheco

Escoteira de São Paulo oferece hoho para franceses ciclistas  Os dois franceses que estão viajando o mundo de bike chegaram em São Paulo, no dia 23 e ficaram até o dia 26 de setembro. Os pioneiros estrangeiros Florian e Hugo, receberam uma ajuda muito especial de uma escoteira, Stella Pollachini, 14 anos, do Grupo Escoteiro Ebenézer 44/SP, ela ofereceu sua casa como estadia pelo o tempo que eles ficassem por São Paulo. 

Os ciclistas vieram do Rio de Janeiro para São Paulo pedalando, e pararam na casa de Stella. A jovem conta que ficou sabendo da história por meio de um grupo de escoteiros do WhatsApp, e logo ofereceu sua ajuda, “falei com eles por meio de um chefe escoteiro que ficou responsável por eles no Rio de Janeiro”.  

Em São Paulo, Stella conta que eles se comunicavam em inglês, francês e português, tudo um pouco misturado: “eles estavam muito interessados em aprender português,” complementa. Mesmo com todas as dificuldades, ela diz que todos se entendiam muito bem.   A escoteira conta que se divertiu muito com a experiência, e os franceses aproveitaram ao máximo a estadia. Foram em diversos pontos turísticos, incluindo uma roda de capoeira, e comeram muitas comidas típicas.

Ela ainda elogia a gentileza, “tentavam ajudar em tudo o que podiam”, explica. O escoteiro é amigo de todos e irmão dos demais escoteiros, é a lei que podemos sempre exercer, e é a lei que resume a aventura dos franceses e que regeu o coração da escoteira Stella, sempre levando seus ideais consigo. 

A dupla seguiu para Itanhaém, descendo toda a Serra do Mar de bicicleta, e chegando à cidade durante a noite, fechando a passagem por São Paulo. A próxima cidade que os franceses irão desbravar será Curitiba.

Compartilhe
Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens