Valinhos recebe primeira edição do Encontro/Diálogo Itinerante de Programa Educativo

27 de março de 2018

No dia 25 de março, aconteceram as primeiras edições do Encontro Itinerante das Coordenações Regionais de Programa Educativo e do Diálogo Itinerante com Representantes Juvenis. A cidade de Valinhos recebeu as atividades regidas sob o mote “Vamos Juntos Construir esse Mundo Melhor?”, no qual escotistas, dirigentes, coordenadores distritais, comissários, lobinhos, escoteiros, seniores, pioneiros e membros da Diretoria e Coordenações Regionais de Programa Educativo e da pasta Jovem puderam vivenciar momentos de informação, reflexão e troca de experiências para o desenvolvimento de novas ideias.

Foi a primeira de uma sequência de visitas programadas com os Comissários Distritais, que acontecerá em diferentes regiões. “Tudo isso para que nós, seres que se unem por uma só promessa e uma só lei, sigamos mais seguros e unidos por nossos caminhos, percebendo NOSSO próprio papel em todo processo, seja como membro juvenil em busca de sua progressão, seja como adulto, oportunizando a transformação do jovem. E assim consolidamos o conceito de que a Região somos todos nós”, destacou a Diretoria Regional de Programa Educativo.

Jovens de todos os Ramos em conjunto com a Diretoria Jovem, a Comissão Regional Pioneira (CRP), o Núcleo Regional de Jovens Líderes e os Mensageiros da Paz, participaram de um bate-papo sobre a vivência em suas seções com espaço para solução de dúvidas, divulgação de canais de comunicação e desenvolvimento de ideias novas. O evento reuniu mais de 150 participantes na EMEB (Escola Municipal de Educação Básica) Luiz Antoniazzi.

Foto: Patrícia Coelho

A programação para escotistas, coordenadores distritais e comissários foi dividida nas seguintes áreas temáticas: Do caminho do integrar à partida, percorrendo o caminho do programa educativo, os participantes construíram coletivamente conteúdos relevantes; O Programa Educativo: dúvidas, trocas; Vivenciando o caminho do programa educativo; SOS Programa Educativo, no qual as coordenações apresentaram a estrutura da pasta de programa educativo, a composição das diversas equipes, os canais de comunicação, os caminhos para cada dúvida e questionamento do dia a dia do trabalho voluntário no Movimento Escoteiro; Eu, um escotista ideal. Para ser sempre melhor, melhor, melhor!, que incluía diálogos sobre as diversas dificuldades do desempenho da função, sonhos e possibilidades; APF (Assessor Pessoal de Formação) ideal e meu PPF (plano pessoal de formação), como derivação das reflexões da atividade anterior, participantes expuseram considerações sobre um APF ideal e sobre a atenção continuada ao próprio PPF; Conversas: boas práticas na minha UEL; Não queremos ser os melhores do mundo! Queremos ser os melhores para o mundo!, depois de ouvir e relembrar varias práticas vivenciadas no Movimento Escoteiro, participantes construíram um painel colaborativo; Nossos projetos e novos projetos: as coordenações fizeram uma rápida apresentação de seus projetos e coletaram sugestões para novos.

Para os pioneiros, a CRP promoveu diversas dinâmicas com o objetivo de debater os desafios e as peculiaridades da faixa etária, com a produção de um painel colaborativo em comemoração ao centenário do ramo. A Diretoria Jovem, o Núcleo de Jovens e o MOP (Mensageiros da Paz) organizaram uma atividade inspirada no jogo da vida, na qual lobinhos, escoteiros e seniores montaram e vivenciaram reflexões e partilhas de sua jornada escoteira, cuja linha de chegada eram os distintivos especiais. No final da programação, os coordenadores regionais de programa educativo puderam conversas com os jovens sobre o funcionamento da área.

“Os participantes, logo na cerimônia de abertura, mostraram-se dispostos e abertos a vivenciar a proposta. Foi uma abertura simples, no melhor do escotismo,c om um toque especial. (…) Todos saíram de suas formações e caminharam para seus locais definidos, cantando Espírito de B.P. Foi a primeira vez que vivenciei mais de 150 pessoas se dividindo em equipes de trabalho de forma tão sutil e tranquila”, destacou a Diretora Regional de Programa Educativo, Ana Beatriz Reali, ao considerar que a atividade cumpriu seus objetivos: dialogar de forma tranquila e empática com os associados, trocar informações, esclarecer pontos do programa educativo, sanar dúvidas, criar vínculos e abrir ou reforçar canais de comunicação.

Confira todas as imagens aqui.

Compartilhe
Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens